Energia Elétrica, Hídrica, Eólica, Fontes de Energia e outros

Fontes de Energia Fósseis – Carvão Mineral, Petróleo, Gás Natural e Urânio

Entre as principais fontes de energia fósseis se encontram o Petróleo, o Carvão Mineral, o Gás Natural e o Urânio, todas são não-renováveis e estão disponíveis na natureza.

29

Com o constante consumo de energia pela humanidade, cada vez mais é necessário explorar novos tipos de energia, sejam elas energias renováveis ou energias não renováveis. A energia fóssil é não-renovável, pois sua produção acontece de maneira natural, ao longo de vários anos.

O QUE SÃO FONTES DE ENERGIA FÓSSEIS?

São chamadas fontes de energia fósseis as fontes de energia ricas em carbono formadas pela ação de lentíssimos processos naturais – que podem levar milhões de anos – sobre a matéria orgânica de organismos mortos e enterrados.

Um desses processos é a digestão anaeróbica (ou seja, a decomposição da matéria orgânica por bactérias na ausência de gás oxigênio). Entre as fontes de energia fósseis, podem ser listados:

  • Carvão Mineral;
  • Petróleo;
  • Gás Natural;
  • Urânio.

CARVÃO MINERAL

Carvão Mineral - Fontes de Energia Fósseis

Depois do Petróleo, o carvão mineral é a segunda fonte de energia fóssil mais utilizada em todo o planeta, em 2003 era o responsável por 23% de toda a energia utilizada no mundo. No caso do Brasil, sua utilização está em torno dos 6,5%.

Sua utilização passou a ser mais constante a partir do século 19, com a revolução industrial sua importância para a economia global aumentou, pois era bastante utilizado em máquinas a vapor e na produção de produtos de manufatura.

A Rússia e os Estados Unidos são os países que possuem as maiores quantidades de carvão natural existente no planeta. No entanto, a China e os EUA são os maiores produtores / consumidores do combustível.

PETRÓLEO

Petróleo - Fontes de Energia fósseis

O Petróleo é a fonte de energia fóssil mais utilizada no planeta. Seu maior uso está na produção de combustíveis como a gasolina e o óleo diesel, além também de ser utilizado em outros tipos de produção como: asfalto, lubrificantes para carros, borracha sintética (utilizada em pneus, por exemplo), plástico e outros.

Através de refinarias há a separação da água e sais presentes da substância, o qual passa por diversos processos até ser transformado, principalmente, em combustível (gás liquefeito, gasolina, querosene, óleo diesel, gasóleo).

GÁS NATURAL

Gás Natural - Fontes de Energia Fósseis

Segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo) o Gás Natural é se compõe por hidrocarbonetos em estado gasoso e é composto essencialmente por metano, mais de 70%, etano e propano, este em menores proporções, cerca de 2% ou menos.

Se forma pela decomposição de compostos orgânicos, os quais são armazenados em  rochas pro milhares de anos. O gás natural é utilizado como fonte de energia para veículos, residências e também em indústrias.

A utilização do gás natural como combustível para veículos, GNV – Gás Natural Veicular, tem demostrado bastante eficiência por custar e poluir menos que a gasolina.

URÂNIO

Urânio - Fontes de Energia Fósseis

Sendo o principal elemento no processo de produção da Energia Nuclear, o Urânio é o combustível mais poderoso entre as fontes de energia fósseis.

É encontrado na maior parte das rochas pertencentes à crusta terrestre. Encontra-se em grande quantidade em depósitos na Rússia, França e nos Estados Unidos da América.

Além de sua utilização nas usinas nucleares, as quais são utilizadas para produzir energia, também pode ser utilizado para a produção de bombas atômicas.

Contribuição do Sol

Um fato interessante é que o Sol é a fonte remota da energia armazenada nas fontes de energia fósseis, pois o material orgânico de que elas se originaram ou foi produzido por seres vivos que usavam diretamente a energia solar (através de processos como a fotossíntese) ou por outros seres vivos que se alimentavam daqueles seres vivos.

IMPORTÂNCIA DAS FONTES DE ENERGIA FÓSSEIS

Apesar dos esforços, feitos na forma de investimentos de vulto em infraestrutura e em pesquisas para sua substituição, as fontes de energia fósseis ainda são extremamente importantes para a satisfação das necessidades energéticas da humanidade.



Segundo dados da Energy Information Administration, órgão do governo americano responsável pelas coleta, análise e divulgação de dados relacionados à energia, as fontes de energia fósseis respondem por mais de quatro quintos da energia consumida no mundo.

PROBLEMAS DAS FONTES DE ENERGIA FÓSSEIS

Há algumas complicações associadas ao uso das fontes de energia fósseis, que servem de motivo para os esforços de transição para uma economia independente delas.

O uso dessas fontes de energia provoca a liberação de poluentes atmosféricos, especialmente o dióxido de carbônico, também chamado de gás carbônico, um dos gases causadores do Aquecimento Global.

Energias Fósseis - Problemas - Poluição

Mais de 20 bilhões de toneladas desse gás poluente são lançadas na atmosfera por ano, e estima-se que apenas metade dessa quantidade seja absorbida por processos naturais, o que significa que a outra metade colabora para o excesso de gás carbônico no ar e para o aumento da temperatura global, que pode vir a alcançar patamares perigosos.

As fontes de energia fósseis são não-renováveis, o que significa que que elas podem ser exauridas pelo consumo humano, o que coloca as nações dependentes delas diante dos riscos de derrocada financeira, de disputas militares por sua posse e de convulsões sociais.



Outro problema é que grandes reservas de combustíveis fósseis, especialmente petróleo, são achadas em países com histórico recente de instabilidade política, como a Venezuela, ou de patrocínio de movimentos extremistas.

A instabilidade política e o uso político do petróleo (como fez a OPEP, cartel dos países exportadores de petróleo nos anos 70) para fazer pressão e arrancar concessões expõem os países dependentes de importações do chamado “ouro negro” ao risco de ver seu acesso ao produto cortado ou usado como uma ficha para barganha internacional.

Outro fator de instabilidade política associado ao petróleo é que o dinheiro obtido com a venda do petróleo pode ser usado para financiar movimentos radicais.